12 de janeiro de 2010

Lifehouse é uma banda gospel?


Muitos cristãos que curtem o som da banda Lifehouse já devem ter feito essa pergunta, agora você vai descobrir toda a verdade.


Iniciamos pelo nome da banda: LIFEHOUSE, que em português quer dizer Casa da Vida e sugere muito com a religiosidade e música da banda. Segundo Jason Wade (vocalista da banda) as músicas se relacionam com a sua vida e experiências.


Este é um comentário de Jason Wade sobre as letras que ele compõe:

"Sem dúvida, eu acho que posso dizer aos meus fãs a minha perspectiva, mas eu gosto de dar-lhes a opção de interpretar as letras como queiram. Cada um de nós veio de lugares diferentes e eu gosto de deixar isso em aberto.”


A banda também faz sucesso em seriados como ER e Everwood, E é presença marcante na série Smallville.


Falando um pouco sobre a discografia, a banda teve seu primeiro álbum oficial lançado em 2000 com o título “No Name Face” e logo fez sucesso com os singles "Hanging By A Moment" e "Everything". Depois de um contrato com a Universal e a DreamWorks, em 2002 lançaram o álbum "Stanley Climbfall", destacando os silgles “Spin” e “Take me Away”


Em 2005 lançaram o álbum que tem como título o nome da banda: Lifehouse. Depois disso a banda desbancou nas trilhas, podendo citar os singles “You and Me”, “Blind” e “Days Go By” qua fazem sucesso até hoje. No mesmo ano lançaram o DVD Everything reunindo as melhores canções.


No ano de 2007 lançaram o álbum “Who We Are” com canções que nos fazem refletir sobre nos e o nosso papel no mundo. E mais uma vez fez sucesso imediato com as canções "First Time", "Whatever It Takes", "Broken" e" Make Me Over".


ENTÃO, A BANDA É OU NÃO É CRISTÃ?

E a resposta é:

Os integrantes são cristãos, mas a banda não.

A banda não é gospel, ou pelo menos, não propriamente dita.
Apesar disso, seus integrantes são cristãos e, inclusive, Jason Wade admitiu que suas músicas são muito influenciadas por bandas como "Delirious?" e "Hillsong". De qualquer forma, o próprio Jason deixa que as pessoas interpretem suas músicas da forma que quiserem, além do mais, nos EUA não há muita separação entre bandas cristãs e não-cristãs.

E você, o que acha disso?

Qual a sua opinião?

Aqui no Mix Gospel você tem voz!

Dê a sua opinião.


www.mixgospelblog.blogspot.com

55 comentários:

Naninha disse...

É de se esperar que nos dias de hoje haja esse tipo de música. Componentes cristãos, mas banda não cristã! Uma fonte que jorra água doce não pode jorrar água salgada ou você é crente ou não é! Nos últimos dias que estamos vivendo as pessoas não conseguem se decidir, ficam indecisas, sentem vergonha de se expressarem: sou crente! É triste saber que, naquele dia o próprio Cristo se envergonhará deles e dirá: Apartai-vos de mim malditos para o fogo eterno! Nunca devemos nos envergonhar da mensagem da cruz. Temos que cumprir o que Jesus disse: Ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda criatura. Se Deus nos deu um talento lindo que é louvá-lo devemos engrandecer o nome dEle e honrá-lo porque somente Ele é digno! Pegar esse dom que Deus deu e usá-lo para outros fins é estupidez. As músicas do Lifehouse são boas, bonitas e interessantes, mas podiam ser instrumentos para alcançarem vidas no mundo! Muita gente tem necessitada de uma palavra de fé, de mudança de vida como as músicas do Hillsong por exemplo. É triste ver como pessoas no mundo tem se deixado influenciar pelo modismo e pela fama que a mídia maligna os proporciona.

Anônimo disse...

Acho isso super maneiro, porque essa mente separatista não nos dá atitudes cristocêntricas, pois Jesus disse: "O que entra não nos contamina, mas o que sai". O fato é que a igreja é sal e o sal tem de se misturar pra ter seu efeito. Acho que eles devem se misturar com o mundo não no sentido de se contaminar com ele, mas no sentido de exercer o papel de cristãos, ou seja na proclamação do evangelho. Não somos monges pra achar que temos que viver em monastérios. Jesus disse: "Não peço que os tires do mundo,e sim que os guardes do mal" (Jo 17.15. Em outras palavras: "Não quero que eles vivam como monges, separados da realidade, mas que não se misturem com o mal da corrupção do pecado. E zé finí...tá na boca do brasi..rsrsrs

Anônimo disse...

Na verdade todos tem uma liberdade de escolha, porém como cristão devemos escolher a vontade de Deus em nossas vidas. Não posso afirmar de é agrado ou não de Deus sobre a banda, mas pela luz da verdade vos digo que o Pai procura verdadeiros adoradores que o adorem em espirito e em verdade.JO 4, a essencia do que Deus procura em nossas vidas é a verdade.
Que possamos alcançar essa maravilhosa graça, basta olharmos para a musica gospel brasileira e veremos que temos muitas estrelas,mas são poucos os adoradores. paz...

Anônimo disse...

BEM, A PALAVRA DE DEUS DIZ QUE TUDO, DEVE SER PARA HONRA E GLÓRA DE DEUS, BOM SE A BANDA DIZ QUE NUM É CRISTÃ, BEM ELA NUM É, ENTÃO TIRE SUAS PRÓPRIAS CONCLUSÕES SE TUDO TUDO TUDO É PRA DEUS OU DEVE SER PRA ELE ELES ESTÃO NEGANDO AO SENHOR, SE EU SOU EVANGELICO (A) EU TENHO Q VESTIR A CAMISA, SE EU NEGO A CRITO,CRISTO ME NEGARÁ, COMO EU SENDO CRENTE,FORMO UMA BANDA Q NUM É, ENTÃO QUE FIQUE NO MUNDO, NÃO PODE SERVIR A DOIS SENHORES POIS HA DE AMAR A UM E ODIAR O OUTRO, NÃO PODE SERVIR A DEUS E A MAMOM( O deus DINHEIRO).
ELES FORAM INFELIZES EM NÃO SER BANDA CRISTÃ.
GISLAINE DE FARIAS (GISAH)

Anônimo disse...

Pra ser sincera, vejo isso como uma grande jogada de mídia, pois enquanto se especulam se Lifehouse é mesmo cristã ou não, a banda em si ganha força e dinheiro. Pra mim é a mesma coisa de um ladrão dizer que é cristão mas abre para interpretaçoes particulares a sua "conduta". Posso parecer radical, mas, o que a Lifehouse perde se assumir que é evangélica nas canções e na conduta? Perde o contrato com gravadoras, perde nas vendagens e consequentemente dinheiro, que me parece o mais importante pra eles.

Anônimo disse...

Sou cristã, e sim eu curto as músicas da banda. Mas ao meu ponto de vista eu acho isso errado, se eles são cristãos eles devem cantar músicas de loucor a DEUS e não fazer musicas para o mundão. Tem que saber separar, eu tava ouvindo a música desses camaradas aí, pecando, e nem sabia.

lana disse...

bom eu gosto muito da banda as musicas sao muito bonitas so que acho que eles deveriao deichar bem claro que eles sao cristaos por que eu tambem sou crista e deus deve ser mostrado ao mundo com clareza.

Anônimo disse...

o mentira grande quer que eu acredite.

Anônimo disse...

tem pessoas que são cristãs e trabalham como padeiro, açougueiro, engenheiro, etc.
eles são cristãos e trabalham como músicos. Qual o problema disso, se as músicas deles falam de coisas boas e eles não tem vergonha de esconder o que são?
com certeza eles devem tocar e glorificar a Deus nas igrejas em que frequentam.
o problema de tudo é que as pessoas são muito legalistas, e acham que só o que eles fazem é certo.

Anônimo disse...

Eu sou fã da banda mas ñ com idolatria e sou cristã
acho legal pq as pessoas q imaginam conforme a letra então é a própria pessoa quem decide,e eu levo para o lado cristão!!!e gosto d+

Anônimo disse...

ok,minha cinseridade é se eles deixam claro que são cristãos então quem é msm do mundão ñ vão gostar!

Anônimo disse...

Simplesmente :

A amizade com o mundo é inimizade
com Deus...

André Andrade disse...

Eu acho que o grande X da questão aqui é a "Banda" é a profissão dos caras, vamos colocar de outra forma, eu tenho uma empresa, onde atuo como gerente de projetos, bom eu sou Cristão, mas minha empresa não é gospel e nem minha profissão. Se eles não podem ter uma banda com tematica variada é o mesmo que eu ser obrigado a fazer sites apenas para Igrejas e afins, eles não escondem que são Cristãos o que pra mim sim, seria um erro. Agora a banda é a "empresa" deles e eles alcançam um publico variado e certamente levam a palavra de Deus aonde vão. Acredito que isso é o que importa. Vamos deixar de pensar que o reino de Deus se restringe ao que delimitamos ser.

Anônimo disse...

Na verdade o problema está em querer que que as coisas de Deus fiquem retidas na igreja e se esquecem do que realmente significa igreja(chamados para fora)errado estão aqueles que acham que a vida com Deus é uma vida metódica, religiosa, oprimida e cheia de liturgias.
Acorda chega de ficarmos nos escondendo atrás dessa religiosidade barata.
Certo estão nossos pastores e irmãos que pedem trízimos e ficam atás de profetadas baratas não quero mudar o pensamento de ninguém mas enquanto tivermos esse pensamento fechado nunca viveremos o que Deus nos fez para sermos
Em fim sei que é muito fácil culpar o mundo e julgar os outros mas tirar o mundo de nossas vidas e agirmos como um só é como se fossemos contra nossos princípios que afinal valem mais que a palavra expressa de DEUS.

Anônimo disse...

Em primeiro lugar temos que pensar, qual a interpretação de Deus o que ele faria?! Jesus em momento algum se misturou aos fariseus , e sim repreendi-aos com sua saberia! O Amor de Deus em primeiro lugar reflita...!

Se coloquem no Lugar de Jesus e tentem pensar como ele pensaria ;D
Jesus te ama e te chama hoje para fazer a vontade dele apenas abra sua coração, e reconheça que e um pecador e que está arrependido dos seus pecados.

Anônimo disse...

Olha! Existe uma historia q tem a ver com isso: Existe um muro com um homem em cima dele, de um lado tem Deus os anjos e etc. e do outro lado o Diabo, e o muro representa essa neutralidade dos membros serem cristãos mas a banda não. E o pessoal do Céu fazendo a maior festa pro homem ir pro lado deles, e o diabo não deu a minima. Então o homem perguntou: diabo, por que o Céu ta fazendo a maior festa pra mim ir pro lado deles e vc não da a minima? E o diabo respondeu: O muro é meu!
Moral: Eles dizem q são cristãos mas a banda não, Jesus disse quem não é por mim é contra mim. Não existe neutralidade. Fica aí essa mensagem pra vcs.

Anônimo disse...

Acho que se eles tem a opção de ser uma banda cristã então seja,a ''profissão'' deles permite colocar Deus então deveriam colocar-se como cristão...

Anônimo disse...

TUDO QUESTÃO DE DOUTRINA SEU TRABALHO SEJA ELE QUAL FOR N PRECISA SER CRISTÃO OU NÃO BASTA N IR DE CONTRA OS PRINCIPIOS BIBLICOS !

Anônimo disse...

"nao vos conformeis com esse mundo mais transformai".
essa passagem nao significa que devemos pegar uma musica do mundo e colocar uma letra cristã nela... mas que devemos se unica e exclusivamente separados para Deus... tudo o que formos fazer deve ser para a honra e glória dele
"vós sois o sal da terra e a luz do mundo"... nao devemos nos misturar com as coisas do mundo, mas devemos ser diferentes, devemos mostrar o amor de Deus em nossas vidas, em todas as nossas ações, desde o falar ao cantar.
gosto muito da banda, mas tais membros devem resplandecer Cristo em suas vidas

Anônimo disse...

isso traz uma confusao muito grande
no fas evangelicos... ouvir ou nao uovir...
se voce e cristao deve usar os seus dons pra louvar a Deus e nao ficar dividido pra agradar o mundo...

Jean Santana disse...

Independente de Religião e de ser cristão as musicas são Boas e de bom grado as traduções e letras falam de relatos da vida de Deus de caminhos perdidos e graças alcançadas...
Acho que muita gente tem que saber o seu verdadeiro caminho pois temos livre arbítrio Amo Jesus de todo meu coração não julgue seu irmão e nem entre em contradição...

Anônimo disse...

Na real, se a musica deles fosse compatível com o mundo, poderíamos aplicar a banda que eles são amigos do mundo e por consequência inimigos de Deus. Mais pensa gente,a musica é consagrada a Deus ele não precisa colocar na letra que Deus é o senhor e salvador, isso vai da integridade e da amizade deles com Deus, pra que tanta polemica.

BRUNO MEDEIROS disse...

Na minha opiniao,eles prescisao se converte. aBiblia diz que aquele que esta em CRISTO NOVA CRIATURA E AS COISAS VELHAS SE PASSARAM ESQUE TUDO SE FEZ NOVO.Devemos ora por eles nunca e tempo D+para Ganhar ALMAS PARA OSENHOR....

Cris disse...

Pessoal, eles não tiveram vergonha de dizer que são cristãos, então certamente não teriam vergonha de dizer que a banda é cristã. Talvez eles não coloquem esse rótulo de "música gospel" pro mundão não ouvir suas músicas. Acho que não tem nada de errado, as músicas são maravilhosas e transmite sim coisas boas.

Anônimo disse...

Não vejo problema algum nisso. Eles querem que suas músicas sejam ouvidas, até porque é o trabalho deles, então porque o "rótulo de crente"? O que diz se eles são ou não cristãos não são as músicas ou o dinheiro que ganham com elas, mas sim o testemunho de vida, a conduta deles diariamente. Julgá-los aqui de certos ou errados que é incorreto. Até porque enquanto as pessoas vão falando deles, as músicas são ouvidas e, dessa forma, podem estar alcançando mais vidas pra Cristo sem a rotulação. Deus não quer rótulos, Ele quer almas!

A Verdade disse...

MAS A PALAVRA DE DEUS TAMBÉM DIZ QUE Deus vomitará os mornos! Apoc. 3:15.16. NÃO PODEMOS FICAR EMCIMA DO MURO, OU VOCÊ OU VOCÊ NÃO É, E SE VOCÊ É E PARTICIPA DE ALGO QUE NÃO É, VC TÁ ERRADO, E DEVERIA DIZER PARA AS PESSOAS QUE VOCÊ É MAS FAZ ESSE TRABALHO E NÃO RECOMENDA PARA OS CRISTÃOS.

A LUZ NÃO SE MISTURA COM AS TREVAS.

DEVEMOS SER SANTOS EM TODA NOSSA MANEIRA DE VIVER.

E OUTRA PESSOAL, O COLEGA DISSE Q TEM CRISTÃO QUE TRABALHA COMO PADEIRO ENGENHEIRO E ETC...

FAZER PÃO NÃO É PECADO MUITO MENOS COMER PÃO,

A GRETCHEN FEZ FILME PORNÔ E DIZ SER EVANGÉLICA, VC ACHA CERTO?

VAMOS PROCURAR OUVIR MÚSICAS DE ADOAÇÃO AO SENHOR VINDA DE VERDADEIROS LEVITAS, QUE LOUVAM AO SENHOR..

LEMBRE, DEVEMOS TER CERTEZA DO QUE SOMOS E NÃO DEVEMOS FAZER O QUE NÃO NOS CONVÉM.


“Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores” (Salmo 1.1).

Anônimo disse...

Eu gosto muiito da música deles!
Sou evangélica e esculto.
Por mais que a banda não seja propriamente dita como "evangélica"
Ela fala de Deus e do seu amor, e grande parte das suas músicas são românticas e sem nenhum tipo de 'duplo sentido' em suas letras.
Me faz bem, e quando estou no mô stress as suas músicas me acalmam *-*



Anônimo disse...

Essa discusão só serve para alimentar a discórdia, acho que o maior interessado nisso tudo é o diabo. Discutirmos se devemos ouvir ou não, não levara a nada, isso depende de cada um. No começo da igreja evangelica no Brasil era proibido guitarra, bateria e mais alguns instrumentos, pois, a igreja considerava maligno,mas apartir do momento que pegou o instrumento e o usou para louvar a Deus, começou a ser válido usá-los. Esculto as muscias do life house e o meu coração louva como se fosse uma poesua feita por mim para Jesus. Não podemos decidr se a banda esta certa ou errada, por que vamos partir para um pecado maior, o do jugamento. Pensem no seguinte, quando você escuta a música sua consciencua te acusa ou não ? Você é batizado com o espiríto santo ou não ? o que ele disse para você, sobre a muscia que esta cantando ?. Quando discutimos é por que estamos tentando provar que o nosso modo de pensar esta certo. Se cristo vive em mim, já não sou eu mais quem penso e sim Cristo, e baseado no cristianismo que Cristo pensa, ele não incita ninguém a discutir, brigar, ofender ou jugar. Quero viver um evangelho puro sem juizo de valores, e para isso busco em Deus o que ele acha e o que ele pensa e se ele me diz, estou satisfeito, posso até te transmitir o que apendi mais se o espirito não confirmar, se torna balela como todas as outras coisas. Pense no que Adão e Eva sentiam e viviam antes de cometer o pecado, a Bíblia diz que eles não podiam comer o fruto da arvore do conhecimento do bem e do mal, se eles não tinham o conhecimento do bem e do mal, logo eles não podiam ter o conhecimento do certo e do errado, o que eles sabiam então? Por Adão entrou este pecado, e por Jesus ele foi tirado e Deus nos quer fazer viver isso. Isso o que? você ja descobriu?. Que Deus abencçoe todos vocês, detalhe começei a ouvir lifehouse e não sabim que eram cristão, mas como a letra não me norteva para adorar outro deus ou qualquer outra coisa, muito pelo contrário a letra me faz sentir comoção ao pensar no amor de cisto, então eu continuarei ouvindo até ser convencido do contrário, não por teoria, mas por aquele qeu abre os olhos para nunca mais se fecharem. Paz

Wendel Bernardes - Lendas de Vidas disse...

Não vou entrar no mérito 'pode ou não pode...', ou 'tá certo ou tá errado'... quero apenas frisar um ponto do texto (postagem).

Embora os EUA sejam declaradamente 'cristãos' e tenham um dos maiores mercados musicais (de vários estilos) há sim uma 'separação' entre música 'gospel' e outros gêneros. O que acontece é que os artistas costumam gravar títulos religiosos com frequencia, aliás como também acontece muito no Brasil, muito embora o foco religioso aqui não seja 'exatamanete cristão' (quantas vezes ouvimos determinados artistas cantando canções religiosas, ou com apelo religioso, mesmo sendo artistas 'seculares'?).

Até porque muitos artistas (góspeis) norte americanos não costumam fazer a contramão, ou seja, gravar em seus trabalhos musicas 'seculares'...

O que acontece é que, como Roberto Carlos (por exemplo) sempre grava canções católicas (por ser católico) ele seria um 'cantor católico'? Não exatamente, né? É bem por aí...

Quanto ao Lifehouse, bom... A banda tem seguido uma linha, como outras diversas bandas onde os seus membros possuem determinada confissão religiosa e suas canções são sim influenciadas pelas suas filosofias de vida, e sua religiosidade. Não vejo nada de errado em professar a fé em Jesus e seguir carreiras em determinadas áreas. Infelizmente quando se refere a arte, aqui no Brasil, temos a imaginação que necessariamente precisamos fazer um trabalho 'gospel' para servir a Jesus... Por conta disso, muitos têm feito coisas com seus lábios e não com seus corações... E cá entre nós, isso é pecado!

Acho legal a pegada da banda, acho legal a ideia de louvar a Jesus com atos e não só com palavras dentro de uma Igreja, ou num evento gospel...
Mas, como diz o ditado, opinião cada um tem a sua...

Bela iniciativa, bom Blog! Parabéns!

Glock disse...

É engraçado como as pessoas NÃO ENTENDEM QUE MÚSICA TAMBÉM É TRABALHO, sim, trabalho, de onde se tira o sustento!!! ok, vi alguns dizendo que não pode ser cristão e tocar numa banda secular pq ou se é "CRENTE" (a expressão que a pessoa usou) ou não é!!! Pois bem, como eu disse, músicos são trabalhadores também, inclusive profissão com registro no ministério do trabalho!!! então se formos encarar de tal forma um policial NÃO PODE SER CRISTÃO (ou crente como disseram) pq dependendo da situação ele será obrigado a matar e como todos sabem não matar É UM MANDAMENTO e ainda nos últimos versículos de apocalipse veremos que os assassinos não adentrarão o reino dos céus então... e outra como a pessoa diz: "ou é 'crente' ou não é!!" afinal de contas, quem mais conhece o coração desses músicos senão eles próprios e o Senhor?? acho q a palavra do Senhor fala sobre JULGAR O SEU PRÓXIMO, talvez uma grande maioria aqui esteja cometendo um pecado maior do ACREDITA que esses músicos cristãos possam estar cometendo!!! JULGAR É PARA OS FRACOS, se as letras são saudáveis e carregam uma boa mensagem pra que crucificar a banda?? abram os olhos, deixem de ser hipócritas gente, todos estão tentando enxergar um cisco (que talvez nem exista) no olho dos caras quando SÓ NESSES COMENTÁRIOS ANTERIORES foi nítido q tem gente com traves, árvores e dunas inteiras nos olhos!!! foco gente, afinal somente o Senhor todo poderoso e ONICIENTE sabe o que se passa em cada coração e Ele sabe quem tem de fato o coração focado nEle!!! Deus seja louvado pra Todo o sempre!!!! Fiquem com Deus

Anderson Glock

Anônimo disse...

gente os cara são bons pra caramba ...e as musicas tambem nenhuma desacata a ninguem intaum acredito que o trabalho deles ta bem e o que importa e a vida deles com Deus o resto td sera abençoado intaum acrecito que eles sao pessoas abençoada ( cesar menoti e fabiano ) são evangelico e cantão para o mundo e ninguem fik dizendo nada ^! a musica e um trabalho desde que isso não os afaste de Deus ......

Anônimo disse...

Não vejo problema em eles terem uma banda que as músicas não são declaradamente cristãs, já que eles reconhecem que são. Penso que eles fazem isso como uma forma pra alcançar pessoas que não compartilham da mesma fé que nós, porque muitas vezes só de a banda ser intitulada cristã já sofre preconceito! Não acho que seja uma estratégia pra ganhar dinheiro, já que atualmente o meio gospel está crescendo muito. Eu curto muito o som da banda!

Anônimo disse...

Sinceramente, não dá pra ser cristão e ter uma banda não cristã. Sou fã do Lifehouse, sempre estou ouvindo suas músicas. Mas não dá pra entender, que os caras são cristãos, e criam uma banda não cristã. È praticamente, um músico cristão aceita uma proposta pra tocar numa banda secular. Eu como um baterista eu sonho em ter uma banda, mas claro do meu estilo de música e com certeza gospel, nunca vou entrar pra numa banda que não segue os mandamento de Deus. então minha opinião, eles estão totalmente errados, é como um cristão ir num show do mundo(na contra o show do mundo) Só que ta la um cristão no show do mundo, onde rola: Música que edifica, cerveja, drogas, brigas e etc.La um lugar pra um cristão? lógico que não, né?

Anônimo disse...

Bobagem isso o que importa em ser cristão é sua boa atittude( e fé principalmente) em relação a DEUS e aos outros sejam, ou não,cristão.Cristo veio nos trazer ensinamentos sobre uma boa consciência Ética e não sobre moral.O moralista condena tudo porque naum ama e nem é capaz de se ver no lugar do outro.

Anônimo disse...

Infelizmente tem Muito Legalista Julgador...
Julgam a todos e pensam que fazendo assim Estão agindo de Uma "boa Forma"

Parabéns A Banda LifeHouse
Meninos de boa Índole, se Declaram cristão, e apenas tem o Seus trabalhos como Músicos.

Infelizmente Alguns irmãos Parecem ter A Graça como intimamente pessoal, coisa que não é verdade porque Jesus veio sim Para os Doentes.

Lembro-me De um Amigo Meu que certa vez passou por um terrivel processo, eu Comecei a mostrar as Músicas do LifeHouse para ele, e suas Composições bonitas.

Muito ele Se Alegrou.

Felicidade, Paz , e graça a todos os Irmãos do Blog.

Deus os Abençoe

(Felipe Bie)

Anônimo disse...

A banda é otima, as musicas tambem, mas, acho que deveriam especificarem musicas voltadas a Deus.

Gabriela disse...

Deus sabe o coração de cada um, eu por exemplo quando escuto a música Everything da banda, no meu pensamento só vem Deus. Porque a letra é como se eu estivesse cantando pro SENHOR.

Anônimo disse...

Parabens pelo report, muito bem mesmo e com palavras simple e ao mesmo tempo com caracteristicas jornalisticas.

ja a banda, não sabia muito se era ou não,mas como sabe, não adianta ser para Deus, mas tem que ser de Deus. dai essa minha opnião.

Abraço!

Martins

Anônimo disse...

Mais as musicas deles nao sao mundanas e nem desvalorizam as pessoas e quer saber pimenta nos olhos dos outros e refresco ne e q realmente deus continue abençoando essa banda maravilhosa e outra aqui no brasil nao e pq tem mtas bandas e ministerios q adoram a deus q significa q eles nao sao apenas lobos vestidos de ovelha

Simone Cristiane disse...

A gente na boa.. A banda sendo cristã ou não... Nós estamos aqui num site gospel , discutindo sobre ela. isso já é um sinal de que ela pode ser direcionada a Deus sim, se não fosse, não apareceriam tantas peças teatrais de igrejas com essa musica no You Tube.... Além do mais quem somos nós para julgar alguém...?? Eles fizeram a músicas... Nós como evangélicos interpretamos como cristã pq a gente quis...^^)

Anônimo disse...

É claro que Deus tem que estar em primeiro lugar.
Mas no caso da banda eles tem que mostrar quem são e não se deixar influenciar por comentários.
Mas isso é de particular de cada um.
Eu sou cristão, curto a banda e acredito que através das letras pessoas que estão no mundo, podem mudar o seu comportamento.

bruninho disse...

acho isso bom, pois o mundo precisa ter uma referencia boa! Como switchfoot. é uma forma de evangelização sim, pois o que adianta falar que é cristão e ficar entre só quatro paredes, enquanto o que importa é os que estão fora. Pois a palavra de Deus diz que Jesus prefere aquele que esta perdido. Os jovens de hoje precisa de um exemplo ou referencia. Então eu concordo com isso!

Jhessy Carvalho disse...

Isso é verdade, não é porque a pessoa está cantando de Deus que realmente seja pra Deus. Acho interessante que as pessoas se preocupam tanto por a banda não ser realmente gospel e estar pecando por ouvir, mas faz coisas piores dentro e fora da igreja. Não é pecado ouvir músicas 'mundanas' portando que a letra não seja imoral, como vemos nas músicas brasileiras... :)

Meel disse...

Sabe, é meio estranho pensar em integrantes cristãos e uma banda que não é. Mas enfim, a letra é boa, e me fez bem na hora certa. Além do mais sou fã de músicas que falam de experiências próprias. Eu mesma componho a maioria das minhas músicas baseadas em minhas experiências de vida. Amores mal resolvidos, outros já esquecidos... Mas minha próxima composição vai ser baseada em esperar em Deus. Meu objetivo, minha meta, meu foco.

sill disse...

bom eu sou cristã e gosto muito da banda ... particularmente gosto bastante da musica everything ... e espero que eles continuem fazendo muito sucesso

Susan Hidaka disse...

Já conhecia algumas músicas da banda, e a canção Everything, e fora umas adaptações da performance para ela, eu fiquei intrigada sobre essa ser ou não uma banda cristã. Não acho que eles sejam mornos. A conduta deles de se dizerem ou não cristãos, agirem ou não, é de total responsabilidade deles, já que a salvação é individual. Eles tem uma trabalho, fazem música. E com ela, eles utilizam uma maneira de tocar as pessoas. Acredito muito no livre arbítrio de cada um, e me entristeço por observar muitas pessoas julgando as outras pelo simples fato deles não se denominarem: crentes. Crentes a maioria das pessoas é, como meu pai fala: - Até o diabo é crente. Enfim, essa é a minha mera opinião.

Anônimo disse...

Eles deixaram claro que são cristãos e quem somos nós para julgar a decisão deles de denominarem a banda de não cristã? Tenho certeza que as letras abençoam as pessoas que as ouvem... Jesus nunca pregou religião e com certeza nossa opinião não serve uma vez que usamos isso com intuito de julgamento.

Anônimo disse...

Temos profissionais cristão trabalhando em todas áreas possíveis porque músico cristão tem q tocar só na igreja ou congregação!?
Temos cristãos no maior antro de roubo e sonegação q existe q é a política pastores na politica!!!
Horas vamos cuidar de nós mesmo de nosso interior e parar um pouco de ver os outros.

Rhamonn Silva disse...

Disse tudo, concordo plenamente

Rhamonn Silva disse...

Isso mesmo. Você não pode ficar no muro, porque o muro não é de Deus, mas sim do inimigo. Deus não dividi o que é dele, nos quer só pra Ele,somente.

Anônimo disse...

não existe sermos cristao e cantar pro diabo, quem é de Deus canta pra Deus...

Anônimo disse...

Falou tudo mesmo.

EMILY CAMILA disse...

Eu amo a banda Lifehouse, mas nao a idolatro... pois eu sou cristã e meu unico idulo e Deus...mas eu tambem sei pra onde essas musicas me levararao...vamos pensar bem gente! Ah! Nao julgueis para que nao sejais julgado...

zimbaldi disse...

Só gostaria de frisar uma coisa que o pessoal deveria tomar cuidado. O povo confunde o que é discutir para edificar, e o ato de julgar. Hoje em dia tudo é julgar. Por exemplo, estou dicernindo se alguma conduta é errada ou não, então vem pessoas dizendo que isso é julgar... o ponto é que isto é discernir. Então, por favor vamos tomar cuidado em ficarmos dizendo que tudo é julgar.

Fabricio Pinto disse...

Quanta idiotice, "música de Deus e música do mundo", meu amigo isso não existe, só existe música! Sabia que o verdadeiro louvor a Deus não está em CD'S, mídia, Dvd's e etc? Pelo menos os caras são sinceros, não é que nem aqui no Brasil onde tem essa fuleragem de dividir músicas, pelo menos os caras não ficam usando o nome de Deus pra ganhar grana como fazem esses "cantores gospel" brasileiros, respeitem e parem com essa idiotice de que os caras tem que "ser gospel e sair do muro se não vão pro inferno, isso é pura estupidez religiosa, ignorância de gente burra, sou cristão pecador e curto o som dos caras, e concerteza são abençoados por Deus!